SISMA participa do ato público alusivo ao Dia do Trabalhador

O dia do trabalhador comemorado nesta quarta-feira (01.05) foi de mobilização, protesto e luta dos trabalhadores que se reuniram na praça popular do bairro Jd. Vitória em Cuiabá, trazendo esclarecimentos à população utilizando o tema “Em defesa da aposentadoria, emprego e salário decente”.

Os trabalhadores se encontraram às 15h30, no Ginásio Verdinho (CPA), e seguiram em marcha até à Praça Cultural do Jardim Vitória. No local, aconteceu um Ato Cultural-Político com shows de artistas regionais.

A mobilização saiu do eixo Palácio Paiaguás – Centro para se aproximar da população cuiabana.

Para a Vice Presidente do SISMA, Ana Cláudia Machado, o ato sendo deslocado para a periferia da cidade proporcionou a aproximação das Entidades Sindicais com a população, o que facilita a realização de esclarecimentos sobre a retirada de direitos a que o trabalhador vem sendo submetido, com foco na mobilização e integração da população às entidades e suas bases para a formação de um movimento de resistência contra mais um pacote de maldades que atinge diretamente a principal célula da Sociedade, a família.

No ato, as dez centrais sindicais – CUT, Força Sindical, CTB, Intersindical, CSP-Conlutas, Nova Central, CGTB, CSB, Pública e UGT – e as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, anunciaram o início da construção da greve geral contra Reforma da Previdência proposta pelo governo Bolsonaro (PSL). (com informações: jornalistaslivres.org)

O Fórum Sindical está convocando todos os servidores públicos e a população para participar de um ato público em frente a Casa Civil para debater sobre o RGA e também sobre a reforma da Previdência, dentre outras pautas, no próximo dia 15 de maio às 09:00 em uma Assembleia Unificada das categorias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Outras notícias

© SISMA-MT – 2021. Todos os direitos reservados.