ABSURDO: Em plena pandemia do Coronavírus, diretor de hospital de Cáceres proíbe café da manhã aos profissionais da saúde

Numa atitude inaceitável, o diretor-administrativo do hospital Regional de Cáceres, Onair Azevedo Nogueira, através de comunicado interno (CI/veja abaixo), decidiu, intempestivamente , suspender por tempo indeterminado o serviço de café da manhã voltado aos profissionais de saúde da unidade, acima citado. Com isso, maqueiros, auxiliares, enfermeiros e médicos estão há dois dias sem fazer o desjejum (alimentação matinal), fundamental para o início da jornada de trabalho. “Não será mais ofertado o desjejum (café da manhã) aos servidores, apenas aos pacientes e acompanhantes”, diz trecho do documento assinado por Onair. Revoltados, os trabalhadores da unidade hospitalar estão fazendo “vaquinha” para comprar alimentos como pão, manteiga e sucos. A pergunta que não quer calar: cadê o pulso firme do secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, para coibir esta barbaridade em plena guerra global contra o Covid-19? É brincadeira, né? A coluna tem certeza absoluta que ao tomar conhecimento dos fatos, o governador, Mauro Mendes (DEM), incansável líder no combate ao vírus da morte, vai tomar as medidas cabíveis e restabelecer o serviço de alimentação aos trabalhadores da saúde pública de Cáceres.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

© SISMA-MT – 2021. Todos os direitos reservados.