SISMA firma parceria com projeto social da Rotam

Um dos pilares da nova gestão do Sindicato dos Servidores Públicos da Saúde de Mato Grosso (SISMA/MT) é investir em políticas públicas e, fortalecendo essa diretriz, o Sindicato firmou parceria com a Policia Militar do Estado de Mato Grosso, através do batalhão ROTAM, para ampliação do projeto social Escola de Futebol Grêmio ROTAM – Formando cidadãos.

Com a parceria, as atividades da escola de futebol vão acontecer também na sede social do SISMA, no período matutino, vespertino e também noturno. Com os novos horários, o projeto vai passar de 150 para 210 alunos matriculados divididos em 7 categorias, além de integrar os dependentes dos filiados. Com essa nova parceria os alunos terão ainda atendimento de profissionais da área da saúde, como psicólogo, nutricionista e clinico geral.

Praticando aulas de futebol, com treino físico, técnico e tático, semanalmente, desde novembro do ano passado, o estudante Thiago Henrique de Souza Costa, 15 anos, relatou melhora no comportamento escolar e familiar. O adolescente nunca havia recebido orientações disciplinares de policiais, e conta que tanto ele como seus familiares se surpreenderam com os resultados, e o melhor de tudo, sem pagar nada por isso. “Melhorei muito desde que comecei os treinos, eu era mais agitado e vejo que estou melhor tanto, na prática do esporte, quanto na disciplina. Gosto muito do projeto e agora podemos treinar nesse novo campo de futebol que além de lindo e espaçoso, proporciona conforto para a gente”, avaliou o aluno.

Thiago é um dos 150 alunos, com idade entre 06 a 16 anos, que são beneficiados pelo projeto que é uma iniciativa voluntária PM/MT, por meio do batalhão ROTAM e coordenado pelo grêmio recreativo.

“Hoje, damos um grande passo para a consolidação dos objetivos do projeto. Agradecemos à presidente do sindicato pela louvável parceria e inclusão desse projeto que trará considerável aumento para capacidade de atendimento e qualidade indiscutível na formação de futuros atletas”, disse o comandante do Batalhão da Rotam André Wiliam Dorileo.

O deputado estadual Elizeu Nascimento e a vereadora Michelly Alencar acompanham o projeto desde o início, eles inclusive destinaram verbas parlamentares para contribuir com os materiais disponibilizados para os alunos. “Um dia, em conversa com a presidente Carmen, ela me disse que gostaria de mudar o conceito do sindicato e abraçar ações sociais que pudessem contribuir com a sociedade. Foi quando me veio à mente dois projetos e um deles era esse da Rotam. Essa parceria marca o novo tempo não só para o SISMA como também, para o projeto” contou emocionada a vereadora.

“Esse projeto é algo que veio para ficar e essa parceria se consolidou para benefício de todos. Parabenizo os envolvidos nesse projeto que eu tive a oportunidade de conhecer lá atrás. Contem sempre comigo”, completou o deputado estadual

O projeto

A Escola de Futebol começou em 2018, pautada na Filosofia de Polícia Comunitária e no plano estratégico da PM/MT com integração às políticas de enfrentamento, orientação e conscientização de crianças e adolescentes para uma vida saudável longe das drogas e de comportamentos de risco.

O projeto tem como objetivo oferecer aulas teóricas, palestras motivacionais, além de lazer, trabalho em equipe e práticas referentes a modalidade de futebol. Com treinos semanais, trabalhando também o social, intelectual, moral e cívico, baseando sempre, na honestidade, no direito e dever à boa convivência familiar. Os alunos matriculados recebem orientações de policiais militares, sendo instruídos dentro de elevado padrão de disciplina visando preencher o tempo ocioso do contra turno escolar.

Para o Comandante Geral da PM/MT Coronel Jonildo José de Assis, a presidente do SISMA está tomando um rumo fantástico na administração do sindicato. “A responsabilidade social é sim obrigação de todos nós, esse é o caminho. Parabéns por pensar dessa forma. A Polícia Militar de Mato Grosso ultrapassa fronteiras da segurança pública, temos mais de nove mil crianças e adolescentes assistidas pela PM/MT. E hoje partindo do princípio da responsabilidade social firmamos uma grande parceria com o SISMA. Nossas crianças e futuros atletas vão ter essa complementação diária na formação”, ressaltou.

A presidente do SISMA, Carmen Machado destacou que é preciso ressignificar o papel sindical. “A sociedade e o poder público devem reconhecer que nós temos um novo contexto social e econômico. Temos o dever de fazer e contribuir com políticas públicas voltadas à população. E sim, isso também é papel sindical. E preciso que todos deem sua parcela de contribuição para a sociedade. Nosso bem maior que é o povo, precisa de saúde, educação e segurança e esse projeto representa tudo isso”, explicou. A presidente ressaltou ainda que “um dos pilares da nova gestão do SISMA é fomentar políticas públicas indo para além das lutas laborais”.

Também estiveram no evento, o secretário-adjunto de Cultura, Esporte, e Lazer de Mato Grosso, Jefferson Neves; a assessora parlamentar, Laura Prado, representando a Deputada Estadual Janaína Riva; o presidente do Grêmio Recreativo Rotam, 3º Sargento Juniel Padilha; o presidente da Associação dos Sargentos Subtenentes Oficiais Administrativos e Esportivos da PM/BM, Luciano Esteves Corrêa; o presidente da Associação de Cabos e Soldados da PM/MT, Laudicerio Machado; a responsável técnica pelo projeto e segunda secretária do SISMA/MT, Solanyara Maria da Silva e também a coordenadora do curso de nutrição da Universidade de Cuiabá (Unic), Melissa Schirmer.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Outras notícias

© SISMA-MT – 2021. Todos os direitos reservados.