- SÁBADO, 26 DE MAIO DE 2018

SISMA visita unidade do LACEN em Cuiabá

Atendendo a demanda dos servidores do SUS Estadual que clamam por melhores condições de trabalho o SISMA esteve em visita na última sexta-feira (23.02), no período matutino ao Laboratório Central (LACEN-MT). Participaram da visita às dependências do laboratório, localizado no Complexo do Cermac, em Cuiabá, a vice-presidente do sindicato, Ana Claudia Machado, a diretora sindical, Adriana Santarém, e os advogados, João Vaucher [da Vaucher e Alvares Advogados – Assessoria Jurídica] e Emanuele Rocha, que atua como ouvidora sindical.


O grupo adentrou a instituição pública que atende os 141 municípios mato-grossense, com exames de patologia clinica, sorologia, virologia, (exames da área de bromatologia e de ambiente, carga viral e PCR), para realização em Cuiabá ou encaminhamento para laboratórios de referencia da rede nacional, verificando a falta de condições estruturais, e de segurança, pois o LACEN-MT está com sérios problemas na estrutura física como rachaduras, infiltrações, formação de mofo, salas sem vedação, a constante falta de água e de manutenção preventiva nos equipamentos.


A visita durou aproximadamente 3 horas, e a cada sala as condições insalubres eram reforçadas. “Precisamos melhores condições de trabalho, pois do contrário não tem como manter este importante serviço”, relatou uma servidora.


O LACEN-MT atende com prioridade as áreas de vigilância em saúde, vigilâncias ambiental, sanitária, epidemiológica e saúde do trabalhador. Nessa atribuição, realiza análises para diagnóstico dos agravos de notificação compulsória como Dengue, Hepatites, Febre amarela, Leptospirose, Hantavírus, Leishmaniose visceral canina e humana, HIV, entre outros, encaminhando às Vigilâncias os relatórios com o perfil epidemiológico nas análises demandadas. “Cabe à equipe do LACEN-MT a emissão de pareceres técnicos para credenciamento de laboratórios, com monitoramento interno e externo, descentralização e supervisão de atividades laboratoriais em Vigilância em Saúde”, ressaltou outro servidor.


A equipe do SISMA ressaltou aos servidores que esta gestão assumiu em novembro de 2014, tem buscado soluções para os problemas na Saúde Pública em Mato Grosso, com ações administrativas (reuniões com Legislativo e Executivo), e também ações nas instâncias jurídicas e varas do trabalho.


Recentemente o SISMA, conseguiu um avanço junto ao atual secretário Estadual de Saúde, Luiz Soares que autorizou a contratação de uma equipe de Saúde e Segurança do Trabalho, composta por médico, enfermeiro e engenheiro do trabalho, que estão realizando visitas técnicas às unidades da Secretaria de Estado de Saúde (SES), até o fim de 2018 para elaboração do Laudo Técnico das Condições Ambientais do Trabalho (LTCAT) e do Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) de todas as unidades. Paralelamente a equipe de Saúde e Segurança no Trabalho irá realizar a análise dos processos que estão parados na Superintendência de Gestão de Pessoas (SGP) da SES.


Além de conhecer as estrutura que abriga o LACEN que está em péssimas condições estruturais, a equipe do SISMA visitou também o prédio recém-reformado que deveria ter abrigado o setor administrativo do Laboratório. Porém, a obra que está em fase final, restando poucos acabamentos para a conclusão, foi abandonada, deixando mais uma vez o cidadão e os servidores sem a estrutura necessária para garantir o acesso à saúde pública de qualidade.


“O SISMA tem trabalhado em diversas frentes, inclusive nas ligadas a Justiça do Trabalho, onde obtivemos uma resposta positiva que culminou na perícia por amostragem, em três unidades de Saúde do Estado localizadas na capital, sendo elas: CRIDAC, Ciaps Adauto Botelho e MT Hemocentro”, relatou a vice-presidente, Ana Claudia Machado. 

Comentários

Deixe Seu Comentário