- SEGUNDA, 19 DE FEVEREIRO DE 2018

MÍDIA NEWS: Em reunião, Casa Civil admite dividir salários em cinco faixas

O secretário-chefe da Casa Civil, Max Russi (PSB), confirmou, na tarde de terça-feira (30), a possibilidade de escalonamento dos salários dos servidores públicos do Estado. Ele esteve em reunião ontem com o Fórum Sindical, que representa o funcionalismo público.

 

De acordo com o sindicalista Oscarlino Alves, o secretário afirmou que a folha de janeiro pode ser estratificada em 5 faixas e pagas ao longo do mês de fevereiro.

 

Apesar disso, segundo ele, Max Russi se mostrou “otimista” com a possibilidade de esse escalonamento não ocorrer.

 

“O secretário Max Russi admitiu que a folha de pagamentos realmente foi estratificada em 5 faixas, mas que isso tem caráter preventivo em função dos problemas fiscais e que está otimista que pagarão os salários sem atrasos este mês”, disse.

 

Segundo Oscarlino, os ânimos entre os servidores estão "acirrados"e há espaço para uma eventual greve.

 

"Fomos buscar informações acerca do empenho do Governo em cumprir com a Legislação no pagamento dos salários nas datas certas, justamente porque os milhares de servidores que representamos não aguentam mais pagar juros e encargos junto a bancos e credores. Dessa forma, os ânimos estão acirrados e atrasos de salários no serviço público têm cobertura legal para interrupções dos serviços através de uma possível greve", afirmou.


Já o secretário Max Russi ressaltou que mesmo com o aumento de R$ 3 bilhões no valor da folha de pagamento, o Executivo tem priorizado o seu pagamento.

 

“Quando assumimos o Estado, a folha de pagamento estava em R$ 5 bilhões por ano. Com a concessão de RGA e outros benefícios, fechamos 2017 com o acumulado de R$ 8 bilhões. Mesmo em meio a pior crise econômica do País, temos priorizado o pagamento dos salários, de modo que todos os servidores recebam em dia”, disse.

 

No começo da semana, o governador Pedro Taques (PSDB) já havia admitido a possibilidade de escalonar os salários.

 

“Que governador quer atrasar salários ou parcelar salários? Em absoluto! Queremos pagar em dia. Não posso ainda falar em parcelamento, porque estamos trabalhando com fluxo de caixa”, afirmou Taques.

 

“Mas fizemos a divisão da folha em várias possibilidades, para que nós não possamos prejudicar o servidor”, disse.

 

Faixas salariais

 

Já disponível na internet, o holerite de janeiro dos servidores públicos traz informações sobre o possível escalonamento.

 

A primeira tabela englobaria os servidores com salários de R$ 1 mil até R$ 4 mil. Na segunda leva, receberiam aqueles cujos vencimentos estão entre R$ 4 mil e R$ 6 mil. 

 

A terceira faixa pagaria os servidores com salários entre R$ 6 e R$ 10 mil. E, por fim, aqueles com vencimentos acima de R$ 10 mil deve haver mais duas divisões.

 

Comentários

Deixe Seu Comentário